quinta-feira, 11 de maio de 2017

Palavra da Missionária



A igreja de Cristo enfrenta hoje o maior desafio da história: um terço da população mundial tem menos de 15 anos, são mais de dois bilhões de crianças e adolescentes e nós temos falhado vergonhosamente em alcançá-los para Cristo.
Essas crianças estão sendo discipuladas pelo mundo e se comprometendo com o pecado ainda em tenra idade. Para a maioria delas o Evangelho ainda não está disponível.
Lembramos aos pastores que 80% de todos os cristãos do mundo se decidiram por Cristo antes do dezoito anos e mesmo assim não há quase nenhum investimento das igrejas em evangelização e discipulado infantil.
O coração da criança é de quem chegar primeiro!
Nesse momento, enquanto escrevo esse pequeno arquivo:
250 milhões de crianças estão trabalhando para prover uma renda mínima de sobrevivência para sua família.
134 milhões não tem acesso à educação.
163 milhões são órfãos.
150 milhões de crianças vivem nas ruas ou em situação de extrema pobreza.
Não nos enganemos, teremos que prestar contas diante de Deus pela nossa omissão.
A grande pergunta é: o que temos feito, como representantes de Cristo?
Aqui no Projeto Campos Brancos, estamos trabalhando arduamente para tornar Cristo conhecido para cerca de 700 crianças carentes em oito creches missionárias nas comunidades mais pobres e menos alcançadas das regiões Norte e Nordeste (sem nenhuma ajuda pública), mas poderíamos avançar muito mais em nosso humilde serviço se tivéssemos o apoio necessário das igrejas e do ministério, mas o que ouvimos é: não conte conosco, são só crianças! Não temos interesse! Não trabalhamos com missão infantil! Criança nem dá dízimo ou oferta, para que investir tanto?
AMADOS , AS CRIANÇAS NÃO SÃO SÓ FUTURO DA IGREJA, SÃO O PRESENTE TAMBÉM. SE NÃO AMARMOS, EVANGELIZARMOS E DISCIPULARMOS AS CRIANÇAS HOJE, EM BREVE NOSSOS BANCOS ESTARÃO VAZIOS!
Nós temos a responsabilidade, a ordem, o chamado, a influencia, o poder e a condição para GANHAR essa geração! Façamos enquanto é tempo.
Kelem Gaspar
GOOGLE +
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário