segunda-feira, 30 de junho de 2014

Leia com carinho


Saudações na Paz do Senhor.
Estou escrevendo essas poucas linhas para lhe colocar a par do que Deus tem realizado aqui em Maracanã. Para que você se alegre conosco.
Como você sabe o trabalho não é fácil, mas é extremamente gratificante, porque sabemos que estamos nos dedicando a um projeto que está no coração de Deus.
Estamos enfim com 100 alunos matriculados na creche escola missionária Peniel, um número impensável para nós a julgar pelos poucos recursos, mas Deus tem suprido as necessidades com milagres. Nós alfabetizamos, evangelizamos, discipulamos e orientamos para a vida. Os alunos da zona rural de Maracanã aprendem os hinos da harpa, memorizam as escrituras e são educados para um futuro de serviço a Deus e a sua obra. Aqui damos o lanche diariamente pois nossos alunos não têm segurança alimentar e muitos chegam à escola com fome e doentes. Então, procuramos atender integralmente cada criança e isso envolve dar banho, curar feridas, tirar piolhos e suprir as necessidades mais urgentes como alimentos, remédios e roupas. Não recebemos nenhuma ajuda publica. Tudo é pela fé. Preferimos não fazer contas, senão não dormimos.
É impossível não se envolver.
Essa semana fomos visitar uma das alunas, de cinco anos, que estava gravemente doente, descobri que a mãe a estava levando diariamente ao lixão da cidade, distante cinco quilômetros, que percorriam a pé. Expliquei a mãe que esse tremendo esforço era demais para a pequenina e doente criança. Agora ela ficará conosco enquanto a mãe labutar pela sobrevivência. Levamos Jesus, remédios e alimentos.
Estamos consolidando na Fé um jovem casal pais de duas meninas e esperando uma terceira criança, eles, antes de receberem a Jesus, sobreviviam fazendo coisas que não agradavam a Deus. Eles moram em uma minúscula casinha de barro, sem instalação hidráulica, sem banheiro, pobremente  mobiliada e ainda não tem nenhuma ideia de como lutarão pela sobrevivência a partir de agora. Mas estão muito felizes e maravilhados com a nova vida que receberam de Cristo. Temos ajudado com o que podemos e eles estão sempre ajudando em tudo. Gloria a Deus! Fomos lá um dia, quando eles não estavam, limpamos tudo, lavamos as roupas e deixamos tudo limpo e arrumado, além de comprarmos uma cômoda, quatro banquinhos, redes, panelas e outros itens de primeira necessidade. Quando eles viram tudo, disseram: nunca ninguém nos amou assim.
Nossa escola de missões está com quatro jovens missionárias internas, elas são muito esforçadas e tem feito um grande trabalho na creche e na comunidade. Elas dão aula as crianças, cuidam dos departamentos na pequena igreja que apoiamos, evangelizam, discipulam e cada uma adotou uma criança das mais necessitadas para estarem cuidando e suprindo as mais urgentes necessidades. O fato de morarem em pequenas casinhas de barro e precisarem de muitas coisas, não as entristece, elas seguem firmes em direção ao único destino que desejam: o centro da vontade de Deus.
Elas, junto com Nalvinha, acabaram de chegar de uma viagem missionária a algumas ilhas de Maracanã, foi uma viagem cansativa, mas muito abençoada, elas visitaram casas, pregaram nos cultos, compartilharam a Palavra de Deus em cada oportunidade. Foram de canoa, de barco, a pé, enfrentaram inúmeras dificuldades, uma delas ( Júlia )foi ferrada por um peixe venenoso (sofreu 24h de dor)  mas foram até o fim. Só Deus para recompensar.
Nossos missionários Dourada e Flávia acabaram de ter a pequena Adria Vitoria e estão avançando em três novas frentes de trabalho nas ilhas de Maracanã. Eles estão se estabelecendo ainda, mas cremos que em breve poderemos ajudar construindo uma pequena casinha de barro  mais perto dos trabalhos em andamento, onde eles morarão e poderão se dedicar mais ao evangelismo nessas áreas não alcançadas.
Recebemos no projeto mais um casal, o irmão David e irmã Nete. Eles tomarão conta da “Peniel II” na ilha do Derrubado, uma extensão da creche que receberá, de início, 20 crianças. O projeto ficará responsável pelo material escolar e alimentação. Tudo que vier para nós será dividido com essas crianças. Deus não deixará faltar.
Estamos construindo quatro novas salas de aula na Creche, já levantamos as paredes e agora oramos por recursos para cobrir e fazer o piso e o acabamento, bem como para a mão de obra.
Tenho viajado para pregar todas as semanas, para trazer algum recurso e investir aqui, mas como escolhi não cobrar para pregar, apenas receber uma oferta, ás vezes o que recebo nem dá para cobrir os gastos da viagem, mas não me entristeço, trabalho para o Senhor Jesus e Ele merece tudo de mim, embora o meu tudo ainda seja miseravelmente pouco.
Obrigada por orar por nós e nos amar,
Obrigada por estar ao nosso lado e acreditar em nosso ministério missionário.
Você é o cumprimento da promessa de Deus em nossa vida.
kelem gaspar, sua serva.



GOOGLE +
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário